DIVULGADA NOVAS LISTAGENS CLASSIFICATÓRIAS DAS INSCRIÇÕES PARA A DESIGNAÇÃO 2018

Sistema da Secretaria de Estado de Educação (SEE) recebeu um total de 631.491 cadastros e 1.354.237 inscrições

 

Estão disponíveis para consulta as novas listagens classificatórias das inscrições dos candidatos que manifestaram interesse em participar do processo de designação para trabalhar na rede estadual de ensino em 2018.

O sistema foi reaberto entre os dias 29 de novembro e 1º de dezembro, exclusivamente para a retificação do campo “Data de Nascimento”, constante nos dados cadastrais. A medida visou permitir ao candidato que verificou inconsistência na sua data de nascimento a possibilidade de realizar a devida retificação. Em função disso, a listagem anterior, publicada no dia 22 de novembro, deverá ser desconsiderada.

O sistema da Secretaria de Estado de Educação (SEE) recebeu um total de 631.491 cadastros e 1.354.237 inscrições, uma média de duas por candidato, uma vez que cada pessoa poderia realizar até três inscrições. Essas listagens serão utilizadas tanto para as designações que serão realizadas online quanto para as que serão presencialmente.

Os candidatos estão listados por ordem de classificação, para cada cargo e localidade distintos, a partir das informações prestadas na inscrição e dos critérios de prioridade definidos pela Resolução SEE nº 3.643.

A classificação poderá ser verificada no site www.designaeducacao.mg.gov.br, através de computador, tablets e smartphones.

O acesso pode ser feito de duas formas: pelo CPF do candidato, que mostrará um resumo das suas inscrições e a classificação individualmente; ou pela busca por cargo e localidade, em que o candidato poderá ver a lista geral de classificação daquele cargo e município e conferir as informações e posições de todos os candidatos que se inscreveram, de acordo com os critérios de classificação definidos em edital.

As listagens também estão disponíveis nas Superintendências Regionais de Ensino.

Inscrições

De acordo com os dados apurados pelo sistema, 52% das inscrições recebidas são para os cargos de Professor da Educação Básica (PEB). Foram 388.921 pessoas inscritas, sendo que 133.772 se inscreveram para o cargo de regente de turma, que são aqueles que lecionam para os anos iniciais do ensino fundamental.

Desses, 74% fizeram apenas uma inscrição. Já para regente de aula, que são os professores de disciplinas, foram inscritos 255.149 candidatos, dos quais 59 % realizaram uma ou duas inscrições das três as quais tinham direito.

O segundo cargo com maior quantitativo de inscritos é do Auxiliar de Serviços da Educação Básica (ASB), totalizando quase 30% do total de inscrições. Entre os candidatos a esse cargo, 16% se inscreveram para três localidades diferentes, sendo que a maior parte (73%) fez apenas uma inscrição.

Critérios de classificação

A idade mínima para designação é de 18 anos. A classificação dos interessados leva em consideração: a aprovação em concurso público vigente, a habilitação, a escolaridade, o tempo de serviço e a idade.

A lista de classificação obedece, em linhas gerais, os seguintes critérios:

1º – candidato inscrito e concursado para o município ou SRE e ainda não nomeado, obedecida a ordem de classificação no concurso vigente, desde que comprove os requisitos de habilitação definidos no Edital do Concurso;

2º – candidato inscrito e concursado para outro município ou outra SRE e ainda não nomeado, obedecido ao número de pontos obtido no concurso vigente, promovendo-se o desempate pela idade maior, desde que comprove os requisitos de habilitação definidos no Edital do Concurso;

3º – candidato inscrito habilitado, obedecida a ordem de classificação na listagem geral do município de candidatos inscritos em 2017;

4º – candidato inscrito não habilitado, obedecida a ordem de classificação na listagem geral do município de candidatos inscritos em 2017.

Designação

A designação é uma forma de preencher interinamente os cargos para garantir o funcionamento das escolas estaduais, conforme o artigo 10 da Lei 10254/1990. O processo é essencial na preparação da rede pública para o início do ano letivo.

Para o ano de 2018, parte da designação será feita por meio de sistema informatizado online, abrangendo os cargos de Analista de Educação Básica (AEB) – Assistente Social, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, Psicólogo ou Terapeuta Ocupacional; Analista Educacional/Inspetor Escolar (ANE/IE); Assistente Técnico de Educação Básica (ATB); Especialista em Educação Básica (EEB) – Orientador Educacional ou Supervisor Pedagógico; e Professor de Educação Básica (PEB) – Regente de Turma.

Essa ferramenta tem o objetivo de gerar igualdade de oportunidades entre os interessados, maior agilidade, efetividade e transparência no processo.

A designação será presencial para Auxiliar de Serviços de Educação Básica (ASB); Professor de Educação Básica (PEB) – Regente de Aula; Professor de Educação Básica (PEB) Curso Normal, Educação Profissional, Conservatórios Estaduais de Música, Educação Especial e Educação Integral.

Quadro de escola

A Secretaria de Estado de Educação (SEE) publicou no último sábado (2/12), no Diário Oficial Minas Gerais, a Resolução SEE nº 3.660, de 1 de dezembro de 2017, que normatiza todo o funcionamento das escolas estaduais de Minas Gerais para o ano letivo de 2018.

O documento estabelece normas para a organização do quadro de pessoal das escolas estaduais e a designação para o exercício de função pública na rede estadual de educação básica.

Segundo a resolução, as vagas de designação aprovadas pela SEE, definidas a partir do Plano de Atendimento para 2018 serão divulgadas por meio de editais em sitio eletrônico da SEE e afixados na própria escola, na Superintendência Regional de Ensino e em locais públicos previamente definidos.

O cronograma para as designações e as vagas disponíveis serão divulgados posteriormente, em data a ser definida.

Clique aqui e confira a publicação.

Foto: Reprodução/internet.

Fonte: Agência Minas.