REPORTAGEM ESPECIAL: CONSELHEIRO LAFAIETE COMPLETA 227 ANOS DE HISTÓRIA

Conselheiro Lafaiete completa 227 anos de História.

Um dos municípios mais importante do Estado, completa nesta terça feira, 19 de setembro, 226 anos de emancipação política e administrativa.

Conselheiro Lafaiete figura entre o rol dos maiores municípios de Minas Gerais no que se refere a evolução populacional, ocupando a 22ª posição do ranking mineiro, segundo estimativa realizada recentemente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística-IBGE (julho-2017), aponta a cidade com 127.369 habitantes. Referência para diversas cidades em seu entorno, Conselheiro Lafaiete está inserida na Mesorregião Metropolitana de Belo Horizonte e na Microrregião que leva o seu nome, congregando um total de 12 municípios: Casa Grande, Catas Altas da Noruega, Congonhas, Conselheiro Lafaiete, Cristiano Otôni, Desterro de Entre-Rios, Entre-Rios de Minas, Itaverava, Ouro Branco, Queluzito, Santana dos Montes e São Brás do Suaçuí.

Terra de inconfidentes, o município foi colonizado sobre tudo, por índios Carijós, tropeiros e mineradores, que devido a diversos outros fatores, foram atraídos pela riqueza do ouro presente naquela época na região e por sua posição estratégia com ligação para o Caminho Novo e Velho, perfazendo um importante entreposto de mercadoria e de serviços utilizados pleos viajantes. O arraial do Campo Alegre dos Carijós, primeiro nome recebido ainda de quando era apenas um pequeno aglomerado urbano, foi se desenvolvendo com o passar do tempo, em 19 de setembro de 1790, data de quando foi elevado a categoria de cidade,  mudou de nome novamente para, Real Vila de Queluz, permanecendo até o ano de 1934 quando passou a ter o nome atual no ano do centenário de um de seus filhos mais ilustre, Lafayyete Rodrigues Pereira, conhecido também por, Conselheiro Lafaiete, presidente do Conselho de Ministros e Ministro da Fazenda, além de jurista, advogado, jornalista, produtor rural, entre outros.

Apesar do crescimento notável pelo qual vem passando Conselheiro Lafaiete nos últimos anos, com o aquecimento do mercado imobiliário e consequentemente, a verticalização da cidade, o município mantém importantes construções históricas, algumas delas, de grande valor histórico para o Estado, como por exemplo, a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, que possui em seu interior, elementos que compõe as três fases do Barroco Mineiro, além da riqueza de detalhes de suas esculturas religiosas. Dezenas de outras construções, sejam templos religiosos, ou propriedades particulares como as fazendas e casarões pertencentes a grandes famílias que fizeram parte da história da cidade desde a então Real Vila de Queluz, sendo  o antigo casarão onde morou o Barão do Suaçuí (Inácio Gomes Barbosa) a construção mais antiga do município, o qual já sediou a Câmara Municipal,  o fórum, escola, dentre outros…Atualmente no local, funciona o Cento Cultural Barão do Suaçuí, que oferece diversas atividades culturais para a população e também é um guardião da história de Lafaiete com diversos objetos de grande valor para a cultura e para a história de Lafaiete.

Conselheiro  Lafaiete está a pouco mais de 90 km da Capital, Belo Horizonte, com acesso principal pela rodovia BR 040. Se destaca por ser um importante  polo econômico do Alto Paraopeba, inserida  em uma região cercada por grandes mineradoras, além de um comércio diversificado e de grande importância regional.

O Vertentes das Gerais, parabeniza a população lafaietense pelos 227 anos de emancipação político-administrativo, se destacando como uma das cidades mais importante no contexto histórico do Estado.

Parabéns Conselheiro Lafaiete!

A galeria de imagens a seguir, teve o apoio fundamental da diretora do Portal de Notícias Lafaiete E Gerais, Aparecida Couto, que se prontificou para nos mostrar as mais belas vistas da capital do Alto Paraopeba. Agradecemos o apoio recebido!

Galeria de Imagens por Januário Basílio: