Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Aprendiz
Banner grande BQHost 2

Barbacenense faz campanha de adoção de cães resgatados em loteamento

A proposta é conseguir um lar para cinco filhotes e também recursos para ajudar nas despesas médicas dos animais. Saiba como ajudar.

Cinco filhotes de cachorro resgatados recentemente em um loteamento na região do distrito de Campolide, município de Antônio Carlos, estão à espera de um lar.

Uma protetora de animais da cidade Barbacena, a advogada Ana Luiza Gonçalves de Souza, foi acionada no dia 24 de junho, quando populares avistaram uma cadela e vários filhotes no loteamento.

Ana Luiza contou que conseguiu resgatar a ninhada, mas precisou deixar a mãe deles: “tentamos [pegá-la] duas vezes e não conseguimos, ela era muita arisca”.

Após o resgate, ela notou que 4 dos animais apresentavam quadros de diarreia com sangue, e resolveu leva-los a uma clínica veterinária em Barbacena. A veterinária que atendeu os bichinhos, Karoline Drumond, também conversou com a reportagem.

“[Os cães] foram tratados com antibióticos e probióticos e inicialmente responderam bem”, contou a veterinária. Uma fêmea chegou com um quadro mais grave de diarreia sanguinolenta, e eu sugeri que fizéssemos o teste para doença parvovirose”, explicou.

A doença, se grave, causa uma destruição do intestino delgado do animal. O teste deu positivo e, apesar do tratamento, a cadela acabou morrendo na manhã de sexta-feira (9). Outros dois filhotes também morreram durante a semana, após ficarem internados por alguns dias.

Por motivos financeiros, não foi possível realizar o teste em toda a ninhada. No entanto, Karoline afirmou acreditar que todos os 4 filhotes tiveram parvovirose, em graus diferentes.

“Na sexta-feira (9), foi liberado o último filhote da ninhada. Ele está evoluindo e clinicamente bem, só precisa se recuperar”, contou a médica. “É uma questão de tempo para ele se restabelecer.

Além dele, outros cinco cães também estão saudáveis e já tomaram vermífugo e remédios contra pulgas e carrapatos.

 

Adoção

A advogada Ana Luiza é quem cuida dos filhotes, abrigados em uma obra desativada em Barbacena. “Eu vou lá todos os dias limpar, tratar deles e brincar um pouco”, contou.

Os interessados em adotar algum dos bichinhos vão passar por uma entrevista com a protetora de animais, que pode até mesmo levá-lo ao novo tutor, se for preciso. O contato é pelo telefone (32) 8827-1925.

“Eles precisam de um lar com muito amor, carinho e atenção!”, acrescentou a cuidadora.

Já a veterinária Karoline Drumond orientou sobre os cuidados básicos para quem tem vontade de adotar um cachorro: vermifugação periódica, vacinação e castração.

“É uma rotina a gente atender animal abandonado e resgatado [na clínica], porque infelizmente existem muitos casos na nossa cidade. (…) Barbacena não tem uma política pública de controle populacional [de animais]”, argumentou.

Ela explicou que a situação de controle do abandono está diretamente relacionada ao processo de castração, já que muitos animais acabam cruzando e tendo filhotes que as famílias não têm condições de cuidar e acabam deixando nas ruas.

Além de estarem expostos a doenças e sem suporte para combatê-las, os animais de rua também são acometidos pelo frio extremo durante o inverno.

“Se a Ana Luiza não tivesse resgatado [os filhotes], provavelmente estariam todos mortos”, finalizou a veterinária.

 

Campanha

Segundo Ana Luiza, o valor das consultas e tratamentos médicos exigidos após o resgate dos filhotes ficou acima dos R$ 1.500, tudo pago pela advogada.

Para ajudá-la nas despesas, a doação de qualquer quantia pode ser feita pelo PIX 06963087628. O dinheiro também será usado para a compra de ração de qualidade para alimentar os animais. “Está sendo usada uma de qualidade, que foi a única que os fez ganhar peso e não provocou novos casos de diarreia,” explicou a advogada.

Também foi lançada uma campanha de doação de ração e arrecadação de dinheiro para os custos médicos.

Fonte: G1 Zona da Mata fotos: Ana Luiza Gonçalves.

Leia também;

13ª REGIÃO DE POLÍCIA MILITAR REALIZA FORMATURA DO PROERD EM BARBACENA