Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Aprendiz
Banner grande BQHost 2

Covid-19: Zema anuncia vacinação de profissionais da Segurança Pública

Vacinação deve contemplar o grupo a partir das próximas remessas

O governador de Minas Gerais Romeu Zema (Novo) anunciou, nesta quarta-feira (31), que profissionais da Segurança Pública começam a ser vacinados no próximo lote de vacinas contra a Covid-19 que for recebido pelo estado.

Atendendo ao pedido feito pelo governador, em reunião com o Comitê Gestor nacional de enfrentamento da pandemia da Covid-19 no Brasil, na semana passada, o Ministério da Saúde (MS) anunciou a inclusão dos trabalhadores das Forças de Segurança na linha de frente do combate à covid no grupo de prioridade para receber a vacina.

De acordo com a nota técnica nº297/2021, ficou estabelecido que será antecipado o envio de um quantitativo de doses de vacinas de maneira escalonada e proporcional, direcionado exclusivamente para a vacinação dos profissionais das Forças de Segurança, Salvamento e Forças Armadas.

“Essa é uma conquista importante, que atende a um pedido que fiz, e que recebeu o apoio de vários colegas governadores. O Ministério da Saúde acolheu o pleito e esse grupo será vacinado, de forma escalonada, já na entrega dos próximos lotes de vacinas. Seguiremos trabalhando para que as vacinas cheguem com agilidade para todos os mineiros”, afirmou Romeu Zema.

A nota técnica traz os critérios de prioridade e orienta que os trabalhadores da Segurança pública e Forças Armadas que não se enquadram nas atividades de linha de frente deverão ser vacinados de acordo com o andamento da campanha nacional de vacinação contra covid-19.

No grupo prioritário das Forças de Segurança estão os trabalhadores envolvidos no atendimento e transporte de pacientes, resgates e atendimento pré-hospitalar, ações de vacinação contra covid-19, ações de vigilância das medidas de distanciamento social, com contato direto e constante com o público independentemente da categoria.

O Ministério da Saúde informou que, de acordo com a nota técnica nº297/2021, ficou estabelecido que “será antecipado o envio de um quantitativo de doses de vacinas de maneira escalonada e proporcional, direcionado exclusivamente para a vacinação dos profissionais das Forças de Segurança, salvamento e Forças Armadas”.

Fonte: Imprensa/MG.

Leia também:

COMITÊ MANTÉM MACRORREGIÃO CENTRO-SUL NA ONDA ROXA ATÉ 11 DE ABRIL