Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Aprendiz
Banner grande BQHost 2

Em Barbacena: GUARNAE-BQ celebra o Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira 

Data rememora o voo do 14 Bis, realizado pelo mineiro Alberto Santos-Dumont, em 1906. Na data magna da FAB, militares foram agraciados com a imposição de medalhas

No dia 23 de outubro é celebrado o Dia do Aviador e o Dia da Força Aérea Brasileira (FAB) e, na Guarnição de Aeronáutica de Barbacena (GUARNAE-BQ), foi realizada na manhã desta sextafeira (22/10), no pátio de formaturas da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR), a cerimônia militar alusiva à data. Presidida pelo Comandante da Escola, Coronel Aviador Daniel Cavalcanti de Mendonça, a solenidade foi realizada com a participação do efetivo da GUARNAEBQ, além de 25 militares que foram agraciados com as Medalhas Bartolomeu de Gusmão, Mérito Santos-Dumont e a Medalha Militar de Tempo de Serviço, nos graus ouro, prata e bronze. A Guarda de Honra foi composta pelo Corpo de Alunos (CA) da EPCAR.

“A sensação é de dever cumprido. Todo esse período foi de muito esforço, de muita dedicação, sacrifícios e até sofrimentos, por várias vezes, por exemplo, ficar longe da família. Durante doze desses anos de serviço ativo prestei serviços em outras cidades, mas tudo valeu a pena. Hoje tenho meus filhos, minha família e tudo o que fiz eu posso reverter para proporcionar um futuro melhor a eles”, destacou o Suboficial da reserva remunerada Marco Antônio Milagres, que foi agraciado com a Medalha Militar de Tempo de Serviço e com a Medalha Bartolomeu de Gusmão.

Agraciado com medalha militar de bronze, a Taifeiro-Mor Tiago José Magri destacou que receber esta comenda representa um ótimo caminho percorrido até o momento e que chegar nestes dez anos foi também possível com a ajuda da esposa e dos amigos da EPCAR. “Foram muitas batalhas e, dentre ela, muitas vitórias e, claro, com a presença de Deus sempre à frente, espero continuar vencendo, construindo minha história e cumprir os próximos 25 anos de serviço que ainda me restam com o mesmo afinco e dedicação. Agradeço a todos que me ajudaram”, finalizou, emocionado, ao lembrar do falecimento do pai logo no início de sua carreira. “Essa condecoração representa muito pra mim e ficaria muito feliz se meu pai tivesse aqui para assistir esse momento, mas tenho certeza de que ele está olhando por mim lá de cima”, concluiu.

Durante a solenidade, os presentes entoaram o Hino dos Aviadores e presenciaram o desfile da Guarda de Honra do Corpo de Alunos da Escola, composta pelos mais jovens militares da Força Aérea Brasileira (FAB). A cerimônia encerrou-se com a execução do Parabéns a você, sob os acordes da Banda de Música da EPCAR.

O Comandante da EPCAR foi o responsável por realizar a leitura da Ordem do Dia emitida pelo Comandante da Aeronáutica.

 

A data

23 de outubro é o Dia do Aviador e Dia da Força Aérea Brasileira, uma referência à data em que, no ano de 1906, Alberto Santos-Dumont realizou o primeiro voo do 14-Bis no Campo de Bagatelle, na França.

 

Medalha Militar

Criada pelo Decreto nº 4.238, de 15 de novembro de 1901, e regulamentada pelo Decreto nº 39.207, de 22 de maio de 1956, a “Medalha Militar” tem como objetivo recompensar os bons serviços prestados pelos Oficiais e Praças da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, em serviço ativo. A distinção pode ser de platina, ouro (com passador de platina ou de ouro), prata ou bronze, conforme os militares agraciados tenham completado, respectivamente, 50, 40, 30, 20 ou 10 anos de bons serviços.

 

Medalha Mérito Santos-Dumont

Foi instituída na Aeronáutica pelo Decreto nº 39.905, de 5 de setembro de 1956, alterado pelo Decreto nº 4.209, de 23 de abril de 2002, em homenagem ao espírito do imortal brasileiro Alberto Santos-Dumont, por ocasião das comemorações do cinquentenário do primeiro voo de um engenho mais pesado que o ar. É uma distinção concedida a militares da FAB que se hajam destacado no exercício de sua profissão, à militares das Forças Armadas nacionais e estrangeiras que se tenham tornado credores de homenagens especiais da FAB e aos cidadãos brasileiros e estrangeiros que tenham prestado notáveis serviços à Aeronáutica.

 

Medalha Bartolomeu de Gusmão

O insigne brasileiro, Padre Bartolomeu Lourenço de Gusmão, por meio de seus trabalhos no campo da aerostação, tornou-se um dos precursores da aviação, motivo pelo qual é cultuado como paradigma de dedicação, zelo e amor à aeronáutica. Por meio do decreto n° 68.886, de 6 de julho de 1971, foi criada a medalha “Bartolomeu de Gusmão”, sendo uma distinção concedida aos militares e civis por destacados serviços prestados à Aeronáutica Brasileira.

Fonte: Seção de Comunicação Social-EPCAR.

Leia também:

HOMENAGENS MARCAM DIA DOS PROFESSORES EM SOLENIDADE REALIZADA NA EPCAR