Pesquisar
Close this search box.

HOMEM É MORTO A PAULADAS NO BAIRRO SANTA EFIGÊNIA, EM BARBACENA

Facebook
X
LinkedIn
WhatsApp

HOMEM É MORTO A PAULADAS NO BAIRRO SANTA EFIGÊNIA, EM BARBACENA

A Polícia Militar registrou um homicídio em Barbacena na madrugada do domingo (03/12), por volta das 01h46, onde um homem foi morto a pauladas no bairro Santa Efigênia.

Foi repassado ao Copom da Polícia Militar que uma guarnição do corpo de bombeiro estaria atendendo uma ocorrência, e solicitava apoio da polícia militar no local. No local um corpo caído ao solo no cômodo de uma residência.

Em contato com a guarnição dos bombeiros, estes afirmaram que foram acionados para ocorrência de agressão. Que ao chegarem no local depararam com um cidadão ao solo aparentemente sem sinais vitais. Que realizaram os procedimentos de reanimação, mas não obtiveram êxito, e ao tomarem conhecimento do ocorrido no local acionaram a Polícia Militar e viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), onde o médico confirmou o óbito.

Em contato com a vítima de agressão, 46 anos, ela declarou que seu companheiro, 40 anos, havia desferido um soco em seu rosto e que seu filho, 25 anos, ao tomar conhecimento das agressões pegou um pedaço de madeira e deferiu três golpes na cabeça de seu padrasto, que veio ao óbito. Ela relatou ainda, que as agressões e ameaças eram constantes.

De acordo com relatos do autor, ele afirmou que ao chegar em casa deparou com sua mãe com o rosto inchado, momento que subiu para sua residência, pegou o pedaço de madeira e desceu em direção a casa de seu padrasto, ao deparar com a vítima desferiu golpes na cabeça da vítima. Que o fez por se sentir revoltado com a situação de sua mãe.

A Polícia Militar entrou em contato com testemunhas, as quais alegaram que ouviram gritos e ao chegarem no cômodo da residência encontraram a vítima caída ao solo e o autor em cima do padrasto, tendo que retirá-lo de cima da vítima.

O autor alega que no momento da situação estava muito nervoso por ver sua mãe machucada e que devido as diversas agressões e ao tempo que ela sofria foi tomado pela raiva. Alega que se arrependeu do cometimento do crime.

Testemunhas alegaram que a vítima era muito agressiva, e que durante anos a esposa vinha sofrendo agressões, e que toda a família sofria com a situação.

Diante o flagrante, o autor foi preso e conduzido a delegacia.

Já o corpo da vítima, após conclusão dos trabalhos periciais, foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Barbacena.

Fonte: 13ª RPM.

 

Facebook
X
LinkedIn
WhatsApp

Google News - Vertentes das Gerais

Siga e acompanhe as Principais Notícias de Barbacena, Lafaiete e Região

Contabilidade São Mateus
Collegiati – Construtora
Net Rosas Banner Grande
Rivelli + – Banner Grande