Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Aprendiz
Banner grande BQHost 2

Coronel Aviador Daniel Cavalcanti de Mendonça assume comando da EPCAR

Coronel Daniel iniciou sua vida militar em Barbacena, no ano de 1987 e agora assume o cargo de comandante da Instituição que conta com a tropa mais jovem da FAB. Brigadeiro Silva Mendes segue para o Ministério da Defesa, em Brasília.

Em solenidade militar de passagem de comando, realizada na manhã de terça-feira (24), o Coronel Aviador Daniel Cavalcanti de Mendonça assumiu o comando da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR), A solenidade foi presidida pelo Comandante da Escola Superior de Guerra (ESG), Tenente-Brigadeiro do Ar Luis Roberto do Carmo Lourenço, e na ocasião o comando foi repassado do Brigadeiro do Ar Paulo Ricardo da Silva Mendes ao Coronel Aviador Daniel Cavalcanti, e contou com as presenças de autoridades da Força Aérea Brasileira (FAB), dentre elas, o último Diretor de Ensino, Major-Brigadeiro do Ar Marcos Vinícius Rezende Mrad e o recém-empossado no cargo, Major-Brigadeiro do Ar Sérgio Rodrigues Pereira Bastos Junior, que presidiu o ato de passagem de comando. Antecedendo a cerimônia militar, ocorreu no Salão Nobre da Escola, o descerramento da foto na galeria de comandantes da Nascente do Poder Aéreo, como é conhecida a EPCAR. Devido ao atual momento de pandemia, somente o público interno participou dos eventos.

Após dezoito meses à frente da EPCAR, o Brigadeiro Silva Mendes seguirá para a capital federal, Brasília, onde atuará no Ministério da Defesa como Subchefe de Coordenação de Logística e Mobilização do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas. Mesmo vivendo em seu comando um dos momentos mais difíceis na história da Escola, em função da pandemia instalada, o militar fez um balanço positivo de sua passagem enquanto comandante, atestando que mesmo diante a uma rotina tão alterada, a dedicação, o comprometimento e a entrega do efetivo fez com que a missão não fosse alterada. “Esse período de comando foi particularmente especial porque com os desafios que tivemos que enfrentar em função da pandemia, exigiu-se uma grande interação profissional, por mais que a pandemia nos impedisse de termos maiores interações sociais, mas a interação profissional teve que ser mais forte para que justamente pudéssemos vencer esses desafios. Saio desse comando completamente realizado por tudo o que o efetivo da EPCAR teve condições de realizar, que foi muito mais, muito além do que aquilo que a gente, efetivo, gostaria de fazer quando chegamos no início do comando. Vim cheio de projetos, de ideias e nada disso pude realizar ou muito pouco, mas a pandemia mostrou que aquilo era realmente muito pequeno, pois tínhamos muito mais coisas para fazer além desses planos e projetos. Resumiria esse comando em uma palavra: realização. Sou muito grato a todos do efetivo por tudo o que conseguimos realizar e acho que todas as dificuldades só vieram para engrandecer nossa capacidade como homens e mulheres da Força Aérea”, disse o oficial-general deixando um recado para Barbacena e para os barbacenenses nessa sua segunda passagem pela cidade. “Tempos difíceis precisam realmente fortalecer as parcerias e fortalecer a compreensão das necessidades e limitações das instituições. Agradeço demais pelo convívio! A importância da Escola para a cidade é a mesma da cidade para a Escola! Esse entendimento, esse respeito mútuo, essa compreensão mútua e essa parceria tem que perdurar durante muitos anos, como sempre foi até aqui”, finalizou.

“Prezado Brigadeiro Silva Mendes, todos aqui foram testemunhas do quanto as suas atribuições exigiram do senhor, como profissional e como ser humano. Mesmo assumindo a DIRENS recentemente, pude constatar que foi um profissional incansável e cumpridor de suas atribuições com eficiência e eficácia. Receba o nosso profundo e sincero agradecimento por compartilhar conosco esta jornada de conhecimento e de aprendizado em prol do ensino da Força Aérea Brasileira”, discursou o Diretor de Ensino da Aeronáutica durante suas palavras na solenidade, destacando a importância da EPCAR para o cumprimento institucional da missão da FAB, preparando os futuros líderes de uma Força Aérea que se moderniza a cada dia. Após enaltecer o comando realizado pelo Brigadeiro Silva Mendes, o Diretor de Ensino desejou êxito ao novo Comandante, Coronel Daniel. “O senhor enfrentará muitos desafios, porém não temos dúvida de que os gerenciará da melhor maneira possível, com a competência que o tem distinguido durante as missões profissionais para as quais têm sido designado. A EPCAR é uma verdadeira escola da vida. Conte comigo e com todos os integrantes da Diretoria de Ensino”, encerrou.

O Coronel Daniel iniciou sua carreira na EPCAR, no ano de 1987 e, entre os anos de 1997 a 2001, já como oficial, atuou, dentre outras funções, como Ajudante de Ordem do Comandante da Escola. Oriundo de Portugal, onde estava como adido militar, o oficial frisou que a adaptação a cidade não será um fator complicador, visto nunca haver perdido os laços locais, e que ter sido aluno e oficial, na instituição, trará experiências que o favorecerão a adotar sempre as melhores escolhas, tanto quanto para o efetivo como para assessoramento aos superiores. “O aluno começa a aprender na EPCAR e é onde você assimila todos os conhecimentos básicos necessários para trilhar e seguir o seu caminho. O aluno conhece a Escola de dentro pra fora e esses são sentimentos que permanecem vivos naquele militar. Já o tenente, é a oportunidade que você tem de começar a enxergar de fora para dentro, mas de participar nessa formação e com um olhar de um aluno que um dia foi. Hoje voltar, um pouco mais a frente, tendo vivido isso tudo, é um outro olhar e uma outra gerência e tenho certeza que contribuirá demais na missão. É um momento ímpar que estamos vivendo e devemos manter o foco, os protocolos e todos os cuidados para nós consigamos atravessar essa fase, com foco na missão, mas principalmente mantendo e, dentro do possível, aprimorando os protocolos que já foram implantados pelos nossos órgãos superiores”, destacou o militar, versando também sobre os protocolos sanitários adotados nas dependências do quartel para evitar a propagação da COVID-19. O novo Comandante da EPCAR também enfatizou sua emoção por retornar a Barbacena, terra natal de sua esposa e cidade onde iniciou sua carreira militar, há 34 anos. “Foi difícil me conter, pois me lembrava de março de 1987, quando, ainda menino, entrei pelos portões desta Escola e com meu pai a meu lado. Meu maior sentimento foi de orgulho porque eu realmente sempre nutri esse sonho. Posso dizer que o aluno Daniel e o Tenente Daniel vibrou e cantou junto com a tropa e se sentiu muito realizado, muito emocionado, mas acima de tudo muito honrado pela oportunidade e pela confiança que o Alto Comando depositou nesse oficial”, concluiu.

Após o ato de passagem, o novo Comandante desfilou em revista à Guarda de Honra do Corpo de Alunos da EPCAR e, encerrando a solenidade, os alunos do Curso Preparatório de Cadetes do Ar (CPCAR) entoaram seus respectivos gritos de guerra em homenagem ao Brigadeiro Silva Mendes e ao Coronel Daniel e desfilaram em continência ao novo Comandante da Escola, que também assume o Comando da Guarnição de Aeronáutica de Barbacena (GUARNAE-BQ).

 

O NOVO COMANDANTE

Natural do Rio de Janeiro (RJ), o Coronel Daniel retorna a Barbacena após exatas duas décadas, visto que serviu na EPCAR entre os anos de 1997 e 2001, onde exerceu funções no Corpo de Alunos (CA) e no Comando, destacando-se o cargo de Ajudante de Ordem do Comandante. Ingressou na Força Aérea Brasileira (FAB) em março de 1987, aqui na EPCAR e, após 34 anos de serviço ativo e já indicado para a promoção a Brigadeiro do Ar, o oficial deixou o cargo de Adido do Exército e Aeronáutico, junto à Representação Diplomática do Brasil na República Portuguesa, com sede em Lisboa, para comandar a unidade que conta com a tropa mais jovem da Força Aérea. Piloto da aviação de transporte, o militar atuou também em missões de busca e salvamento e já comandou unidades como o Segundo Esquadrão do Décimo Grupo de Aviação (2°/10° GAV) e a Base Aérea de Campo Grande (BACG), ambas no Mato Grosso do Sul (MS).

Fonte: Seção de Comunicação Social-EPCAR.

Leia também;

REINAUGURAÇÃO DA BIBLIOTECA E ENTREGA DE DISTINTIVOS MOVIMENTA EPCAR