Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Aprendiz
Banner grande BQHost 2

Guarda Civil Municipal de Barbacena realiza campanha “Sangue Azul Marinho”

Nesta semana,  quatro novos veículos foram incorporados a frota da instituição

A Guarda Civil Municipal (GCM) lançou na última segunda-feira (17/01), a campanha intitulada “Sangue Azul Marinho”. O título, faz alusão as cores da GCM, e tem o objetivo incentivar a doação de sangue por parte dos Guardas, e acontece de forma interna, ou seja; somente com o envolvimento do efetivo.

Logo no primeiro dia da campanha já houve adesão por parte da tropa, que foi até a Santa Casa de Misericórdia para realizar a doação. O objetivo da campanha é incentivar a reposição do banco de sangue local.

De acordo com o Ministério da Saúde, uma única doação de sangue, que é insubstituível e essencial para o corpo, pode salvar até quatro pessoas. Esse ano, a doação de sangue vem marcada pelos desafios que os hemocentros do Brasil enfrentaram durante a crise sanitária de Covid-19. A doação de sangue não traz riscos adicionais quanto à Covid-19 e a perda de hemácias (células do sangue) não compromete a imunidade.

Novas viaturas

A Guarda Civil Municipal recebeu reforço de quatro novas viaturas para a sua frota. Os veículos foram apresentados nesta terça-feira (18/01), e ajudarão no trabalho da guarnição para oferecer mais segurança à população.

O comandante da Guarda, Luís Cláudio Domith, explicou que os veículos foram cedidos a GCM através de um contrato de aluguel. “Com isso essas novas viaturas irão agregar o patrulhamento na cidade”, destacou Domith.

O prefeito Carlos Du também ressaltou a importância do investimento feito na GCM. “A GCM tem se destacado em um trabalho brilhante na segurança pública do município. Tenho certeza que essas novas viaturas, vão aumentar ainda mais a segurança aqui de Barbacena”, afirmou Carlos Du.

novas-viaturas-da-gcm-de-barbacena

Fonte: Prefeitura de Barbacena.

Leia também:

2ª COMPANHIA DE BOMBEIROS PROMOVE A 4ª EDIÇÃO DO CURSO DE “GUARDA-VIDAS”