Morre ao 90 anos de idade, o fundador do Hospital Monumento ás Mães e ex-Prefeito de Ibertioga e advogado, José Francisco de Miranda Fontana, considerado a maior liderança política do município, Fontana, era criador de gado chegando a ter em sua fazenda, aproximadamente 40 cabeças de gado, foi o principal idealizador do tradicional e famoso, Festival de Carros de Bois Ibertioga,

Festival de Carros de Bois de Ibertigoa, idealizado por Fontana (foto: Januário Basílio/arquivo)

Grande parte de sua vida foi dedicada na área de imóveis, por onde atuou  como corretor de imóveis, chegando a trabalhar por grandes empresas brasileiras do setor na época, mas isso não o impedia de dedicar seu tempo de folga para rever seus contatos políticos e amigos na cidade que ele sempre fazia questão de falar com orgulho, “nasci em Barbacena, mas é aqui que eu cresci e segui com a minha vida constituindo minha família e a minha vida pública”, comentou Fontana em uma entrevista concedida em um veículo de comunicação da região.

Muito atuante e querido pela população local, sempre estava disposto a ajudar a população da cidade, sobre tudo, as menos favorecidas de recursos financeiros. Quando alguém passar por problemas maiores de saúde no município, ele sempre se colocava á disposição para ajudar, e grande parte destes socorros vinham mesmo  á cavalos, pois era o meio de comunicação mais utilizado por Fontana e pela população de um modo geral. A ideia de se criar uma instituição para acolher pessoas com problemas de saúde, surgiu há décadas atrás, quando ele presenciou a morte de uma criança qe na tentativa de socorre-la, buscando atendimento em Barbacena, cidade vizinha distante á pouco mais de 50 km  de Ibertioga, vindo a falecer instantes depois. Após este fato, Fontana passou a liderar a bandeira para que fosse construído em Ibertioga um  local onde as pessoas da região pudessem ter como referência para resolver pequenos problemas na área de saúde. Com este pensamento, de acolher aos menos favorecidos e aos ibertioganos de um modo geral, que foi criado com dinheiro arrecadado em leilões liderados por Fontana, a maior referência na área da saúde  na cidade; o Hospital Monumento ás Mães de Ibertioga, tendo a sua pedra fundamental lançada em meados da década de 70. Desde então, a unidade hospitalar atente á diversos casos na área de saúde, inclusive, com a realizações de pequenos procedimentos cirúrgicos. Tudo isso é ofertado gratuitamente a população de Ibertioga e de municípios circunvizinhos a ela, evitando o deslocamento e o desgaste desnecessário que causa uma viagem até Barbacena devido a distância em que este município está localizado. E para manter a instituição idealizada por Fontana funcionando, o hospital sobrevive de repasses do SUS, de leilões que são realizados na cidade, e também, oriundos de doações e de produtos vendidos durante a realização da maior e principal festa do município; o Festival de Carros de Bois de Ibertioga.

José Francisco de Miranda Fontana, deixa um legado aos ibertioganos que vão muito além de sua vida como político, ou mesmo, como corretor de imóveis, e sim, de um homem que trabalhou sempre em favor de seus povo, não medindo esforços para estender ás mãos ao povo  mais carente da região.

O velório do ex-Prefeito, José Francisco de Miranda fontana, está acontecendo nas dependências do Hospital Monumento ás Mães, o qual foi o fundador. O sepultamento está marcado para acontecer  ás 16 horas deste domingo(30), no cemitério local, em Ibertioga.

Foto: Reprodução/jornal Expresso de Barbacena.