Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Banner grande BQHost 2

Programa destina recursos para área da saúde de Barbacena e região

Recurso será aplicado na Atenção Primária, com o objetivo de melhorar a qualidade dos serviços de saúde e o acesso à população ao SUS por causa da pandemia.

Para diminuir os impactos da pandemia da Covid-19, o Ministério da Saúde vai destinar R$ 4.098.554,50 para 97 cidades nas regiões da Zona da Mata e Campo das Vertentes. O programa “Previne Brasil” vai repassar mais de R$ 416 milhões para apoiar ações no âmbito da Atenção Primária nos municípios de todo o Brasil.

O valor para cada município foi definido com base em critério populacional para os quatro meses iniciais do ano, conforme consta na Portaria nº 238, assinada pelo ministro Eduardo Pazuello e publicada no Diário Oficial da União (DOU)  na última quinta-feira (11).

Segundo o Ministério da Saúde, o recurso financeiro é destinado para melhorar a qualidade dos serviços de saúde e o acesso da população ao Sistema Único de Saúde (SUS). Os valores serão transferidos mensalmente e de forma automática do Fundo Nacional de Saúde aos fundos municipais e Distrital de Saúde.

Na Zona da Mata, Juiz de Fora receberá o maior valor, na ordem de R$ 1.128.264,78, seguida por Ubá, que receberá R$ 229.178,13.

No Campo das Vertentes, Barbacena terá à disposição R$ 272.337,45, seguida por São João del Rei, com R$ 178.662,63.

Veja abaixo os valores a serem destinados para alguns município da região:

Alto Rio Doce – R$ 21.816,66

Antônio Carlos – R$ 22.699,25

Barbacena – R$ 272.337,45

Barroso – R$ 41.273,16

Carandaí – R$ 50.576,98

Cipotânea – R$ 13.460,88

Desterro do Melo – R$ 5.753,69

Dores de Campos – R$ 20.136,78

Ibertioga – R$ 9.958,31

Oliveira Fortes – R$ 4.230,49

Paiva – R$ 3.032,55

Ressaquinha – R$ 9.535,86

Santa Bárbara do Tugúrio – R$ 8.786,16

Santana do Garambéu – R$ 4.875,07

São João del Rei – R$ 178.662,63

Senhora dos Remédios – R$ 20.743,68

Fonte: G1 Zona da Mata/foto (arquivo): Januário Basílio.

Leia também;

SANTA CASA DE BARBACENA PROMOVE CAMPANHA PARA ARRECADAR FRALDAS GERIÁTRICAS