Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Aprendiz
Banner grande BQHost 2

A moradores da região metropolitana de Belo Horizonte, foram surpreendidos  por um forte temporal que caiu no começo de noite desta quinta feira(12), deixando vários pontos de alagamento com o transbordamento de córregos que cortam os municípios.

 No bairro Água Branca, em Contagem, uma mulher foi arrastada pela enxurrada após sair de um carro. e foi resgata por um homem que presenciou a cena e resolveu socorrer.

O pânico também tomou conta dos motoristas que passaram pela avenida Tereza Cristina, na altura da Vila São Paulo, onde o córrego Ferrugem transbordou. A consultora de vendas Eliana Braga, de 30 anos, voltava para casa com suas duas filhas no momento em que começou a enxurrada. “Levamos um susto. Entramos em pânico. A água subiu de repente. Meu pneu estourou, mas deu tempo de tirar o carro da avenida antes que o pior acontecesse”, contou, ainda assustada.

A dona de casa Ana Silva dos Anjos, 31, moradora da Vila São Paulo, disse que o córrego Ferrugem sempre transborda em chuvas mais fortes. “É sempre a mesma coisa. A gente já sabe o que vai acontecer quando chove assim. As autoridades também sabem e não fazem nada”, reclamou.

A Defesa Civil esteve no local para averiguar as ocorrências no bairro. Algumas casas foram atingidas pela água e lama. “Felizmente não tivemos nenhuma vitima. Foram mais as perdas materiais mesmo. Também não temos notícias de pessoas desaparecidas nessa área. Estamos vistoriando alguns imóveis que foram atingidos, mas até agora não tivemos nada além dos danos como eu disse anteriormente”, avaliou o agente Maurício Campos, da Defesa Civil.

Além das casas alagadas e veículos submersos, a enchente causou estragos na própria avenida. Na esquina da Tereza Cristina com a rua Monsenhor Horta, o asfalto levantou e o trânsito precisou ser desviado depois que o nível da água baixou por volta de 20h30. No encontro do córrego Ferrugem com o Arrudas, a água arrancou a grade que separa a pista do córrego. A avenida Teleférico, no Conjunto Água Branca, e Cinco, no Cidade Industrial, também alagaram.

Segundo a Defesa Civil, choveu 88 mm na região Oeste; no Barreiro, 59,6 mm; na Noroeste, 34 mm; na Pampulha choveu 30 mm; Nordeste, 11,4 mm; Leste, 6,8 mm; Norte, 6 mm; Centro-Sul, 4,8 mm; Venda Nova, 0,2 mm.

Os próximos dias vai ser de tempo abafado com altas temperaturas e com pancadas fortes de chuvas no fim da tarde ou no início da noite nas regiões Central, Sul de Minas, Vertentes e na Zona da Mata.O tempo continuar abafado e com período de sol entre nuvens e pancadas de chuvas com raios até a próxima segunda feira(16). A temperatura máxima em  Barbacena não deve ultrapassar os 27 graus e a umidade relativa do ar continua em elevação alcançando 97% amanhã, quinta feira(13).

 

Fonte pesquisadas: G1 e Jornal O Tempo