Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Banner grande BQHost 2

Unidade de Cuidados Prolongados é inaugurada no Hospital Policlínica e Maternidade de Barbacena

  

A inauguração faz parte das comemorações de aniversário dos 75 anos da instituição. O evento aconteceu na última quarta-feira (20), na sede do Hospital Policlínica e Maternidade de Barbacena – IMAIP. Em  2015, o Ministério da Saúde autorizou o credenciamento de 25 leitos de cuidados prolongados na instituição. A UCP já estava funcionando com sua capacidade reduzida desde o ano passado, graças a um acordo firmado entre a instituição e a Secretaria Municipal de Saúde que, em 2016, transferiu 10 pacientes do antigo Hospital Santa Isabel para o IMAIP.

Neste ano de 2017 foram finalizados os preparativos para a nova unidade funcionar com os 25 leitos previstos em 2015. Segundo o Secretário de Saúde de Barbacena, José Orleans, conseguir esse número de leitos de cuidados prolongados na cidade das Rosas foi uma vitória de todos que se dedicam a saúde pública. “Lutamos muito por verbas junto ao Ministério da Saúde. Esses novos leitos estão aqui graças as nossa insistência e um projeto bem elaborado pela diretoria do Hospital Policlínica”. Completou Orleans.

A UCP é única existente em toda a macrorregião que compreende as cidades de Barbacena, Conselheiro Lafaiete e São João del Rei. Segundo o Diretor Técnico do Hospital, Dr. Tarcisio de Araújo Oliveira a prioridade serão pacientes em tratamento de problemas de saúde crônicos, que necessitam de cuidados a nível hospitalar.  “Ao contrário do que muita gente pensa, essa unidade não funcionará como um asilo. Estamos preparados para receber pacientes de todas as idades que necessitam de internação. E contaremos com uma equipe multidisciplinar para cuidar com muito amor e carinho das pessoas que passarem por aqui. Eles serão encaminhados por meio do programa SUS Fácil”. Explica Dr. Tarcisio.

O SUS Fácil é um software de Regulação Assistencial, criado pela Secretaria de Saúde do Estado de Minas Gerais que tem o objetivo de agilizar a troca de informações entre as unidades administrativas e hospitalares que busca leitos disponíveis para pacientes que precisam de internação. A unidade de cuidados prolongados, atenderá somente pacientes mais carentes, seguindo uma tendência do hospital, que há mais de sete décadas se dedica à assistência à saúde da população de baixa renda de Barbacena e região. Hoje 80% dos atendimentos feitos em toda a instituição são vinculados pelo SUS. “Estamos muito felizes com essa conquista, afinal vamos atender 49 municípios. Cuidaremos para que os pacientes voltem para casa com condições de levarem uma vida normal”, acrescentou Dr. Tarcísio.

Fonte: Assessoria de Imprensa/IMAIP.