Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Aprendiz

EPCAR forma novas turmas dos Cursos de Formação e de Especialização de Soldados

Os militares atuarão nas Unidades da Guarnição de Barbacena

A Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR), sediada em Barbacena (MG), tem por missão institucional a preparação do futuro cadete da Força Aérea Brasileira (FAB). Além desta, também executa cursos de formação e especialização, demandados pelo Comando da Aeronáutica (COMAER), para que novos militares, nas diversas graduações, possam ser preparados para atuarem nas missões que lhes serão exigidas no decorrer da carreira. Podemos citar, por exemplo, o Curso de Formação de Soldados (CFSd), que é aquele onde há a formação do Soldado de Segunda Classe. Este processo inicia-se com o alistamento militar obrigatório e o posterior ingresso do conscrito no serviço ativo. Há, também, o Curso de Especialização de Soldados (CESD), que especializa o Soldado de Segunda Classe (S2), levando-o à promoção a Soldado de Primeira Classe (S1).

Nas manhãs de 23 e 24/07, foram realizadas as solenidades de conclusão do CFSd e do CESD, respectivamente, ambas, presididas pelo Comandante da Escola, Brigadeiro do Ar Paulo Ricardo da Silva Mendes. Em razão do atual momento de pandemia vivido no país, as solenidades foram realizadas no Auditório 1 da EPCAR, apenas com a presença dos formandos, da equipe de formação e dos Comandantes e Chefes das Unidades que compõe a Guarnição de Aeronáutica de Barbacena (GUARNAE-BQ), observando-se o distanciamento preconizado nos protocolos de segurança, bem como o uso de máscaras de proteção por todos os presentes.

O CFSd teve duração de quatro meses, e durante esse período os recrutas receberam instruções divididas em duas fases: adaptação e especialização. O período de adaptação, nas semanas iniciais, é destinado para que os instruendos se adaptem à conduta militar, bem como ao ambiente da caserna. O período de especialização é destinado à instrução básica, constituída de instruções cívicas, bélicas e de infantaria. O agora Soldado Luígh Silva Ribeiro encerrou o curso em primeiro lugar, ratificando que as dificuldades momentâneas vividas tornam a formação ainda mais desafiadora e gratificante. “Foi uma formação muito satisfatória, mesmo durante uma pandemia, o que fazia com que tivéssemos dificuldades internas e externas ao curso. Com muita dedicação de cada um, em especial da equipe de formação, concluímos o curso com a certeza de que estamos preparados para novos aprendizados e auxiliar a todos na Guarnição”, afirmou, concluindo que o processo de formação lhe trouxe a oportunidade de melhorar a dedicação às coisas da vida, através de novas responsabilidades e novos afazeres.

Já o CESD tem duração de cinco semanas e é dividido em três fases: estudo individual, estágio prático na especialidade e prova teórica. O curso visa proporcionar aos militares experiências de aprendizagem que os capacitem a empregar os equipamentos e o ferramental próprios da sua especialidade, conforme prática-padrão, orientando os demais soldados na racionalização dos meios disponíveis e conhecendo publicações, técnicas e normas éticas inerentes à especialidade. Além disso, o Soldado de Primeira Classe deverá executar as tarefas previstas com demonstração de amor, dedicação à Pátria e à Força Aérea e identificar a importância dos valores e virtudes da carreira militar. “Parabéns aos guerreiros que hoje são promovidos à Soldados de Primeira Classe! Desejo que tenha sucesso nesta nova jornada. Sejam exemplos e proativos em suas seções. Sigam em frente, estudem e nunca desistam de seus sonhos. Cresçam sempre!”, enalteceu a Coordenadora do CESD, Tenente Érika Durço Antunes, destacando que a dedicação dos soldados aos estudos e aos estágios proporcionou um grande avanço no conhecimento de cada um em suas respectivas especialidades.

Em suas palavras as solenidades, o Comandante da EPCAR destacou a importância dos soldados para que as Unidades possam cumprir suas missões, motivando-os a aproveitar as oportunidades de carreira proporcionadas pela FAB. “É com muito orgulho que concluímos os cursos de formação e especialização de soldados em nossa Guarnição. Percebam o quanto cresceram, percebam do quanto são capazes hoje. E entendam que é isso que a profissão militar faz. Ela nos faz conhecermos nossos próprios limites e a força que há dentro de nós. Usem essa força para buscarem voos cada vez mais altos. Temos certeza de que contribuirão, por meio do trabalho profissional e dedicado, com a missão de nossas Organizações Militares”, concluiu o Brigadeiro Silva Mendes.

Os Soldados de Primeira Classe (S1) seguirão para os diversos setores, conforme suas especialidades, nas Unidades da GUARNAE-BQ e poderão permanecer no serviço ativo até seis anos, desde sua incorporação. Já os Soldados de Segunda Classe, que foram incorporados em 1° de março de 2020, serão designados para o Esquadrão de Segurança e Defesa (ESD-BQ) para continuidade do cumprimento do serviço militar obrigatório. Aos primeiros, ainda há a possibilidade de serem promovidos a Cabo e prestarem serviço por até oito anos. Aos S2, após os onze meses obrigatórios, poderão ser reengajados por mais três anos, ascendendo até Cabo, conforme processos seletivos internos.

Fonte: Seção de Comunicação Social-EPCAR.

Leia também:

SOLDADO VETERANO DA POLÍCIA MILITAR RECEBE HOMENAGEM EM SANTOS DUMONT