Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Banner grande BQHost 2

Estelionatário é preso por usar nomes de autoridades públicas de Barbacena

A Polícia Civil de Minas Gerais prendeu na última segunda-feira (01) em Barbacena, um homem de 25 anos, pela prática do crime de estelionato. O suspeito estaria se passando por advogado para intermediar a adoção de um casal de gêmeos que teria sido oferecida a uma mulher, que participava de grupos de interesse em adoções em redes sociais.

Durante as conversas, a vítima procurou pela Polícia Civil ao desconfiar da história contada pelo suspeito e pela suposta mãe das crianças, que alegava ser irmã do Delegado de Polícia do Núcleo Correicional do 13° Departamento e que os gêmeos seriam fruto de um estupro, daí a intenção de doá-los. O investigado, que usava o nome de “Marcos Inácio”, teria solicitado o pagamento de R$2.100,00 para pagar as custas judiciais e iniciar o processo de adoção, usando inclusive o nome de juízes da cidade de Barbacena.

Diante das informações, equipe de policiais civis do 13° Departamento e da 1ª Delegacia Regional de Barbacena deram início as diligências, tendo obtido êxito na identificação, localização e prisão do suspeito, que já é conhecido no meio policial pelo crime de estelionato. Além deste fato, foi descoberto que o mesmo teria tentado forjar o próprio desaparecimento durante o acidente na cidade de Brumadinho, visando receber indevidamente a indenização que seria fornecida pela empresa Vale.

O homem foi preso em flagrante, e após prestar esclarecimentos foi encaminhado ao Sistema Prisional onde se encontra à disposição da Justiça.

Fonte: 13º DPPC Barbacena.

HOMEM É VÍTIMA DE TENTATIVA DE HOMICÍDIO NO NOVE DE MARÇO, EM BARBACENA