Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Banner grande BQHost 2

Galpão Cine Horto apresenta espetáculo e ministra oficina no Cultura e Cidadania Circula 

Sucesso de público e de crítica há dez anos, o espetáculo Manga Mangueira, Meu Pé de Brincadeira, do grupo Galpão Cine Horto, ganhou uma versão virtual para tempos de pandemia, que será apresentada pelo projeto Cultura & Cidadania Circula, gratuitamente, no dia 27/1, às 15 horas.

“Foi desafiador levar para o vídeo algo que é tão mágico presencialmente, sem prejudicar a relação de proximidade que os atores estabelecem durante o espetáculo”, afirma Reginaldo Santos, músico, diretor, professor, ator e coordenador do projeto Sociocultural Conexão Galpão e do Programa de Ações Formativas em Teatro do Galpão Cine Horto.

Segundo ele, Manga Mangueira, desde o início do ano passado, está com um elenco totalmente novo e fez algumas apresentações regulares, antes de ser surpreendido pela pandemia. “Nós fizemos a gravação usando cinco câmeras e com alta qualidade de áudio”, afirma.

Baseado no livro “A árvore generosa”, do norte-americano Shell Silvertein, o espetáculo foi adaptado para a realidade brasileira. Conta a história de um menino vítima de violência doméstica, uma menina e um macaco que mergulham em uma divertida aventura, aprendendo a usar e reciclar os bens que a natureza oferece.

Com a temática do meio ambiente, o público se diverte com as músicas e as brincadeiras dos três personagens que ao longo da história nos revelam seus sonhos, suas fantasias e seus medos. O espetáculo chama a atenção para a importância da preservação do meio ambiente e coleta de lixo.

Para assistir a Manga Mangueira, Meu Pé de Brincadeira, acesse o Canal do Youtube do projeto Cultura & Cidadania Circula.

 

Inscreva-se já!

Terminam nesta segunda (18) as inscrições para a o Programa de Ações Formativas em Teatro – PAFT Virtual, que o Cultura & Cidadania Circula oferece de forma gratuita para os professores da rede básica de educação. São apenas 20 vagas e as aulas acontecem de 21 a 29 de janeiro.

Reginaldo Santos conta que o PAFT foi criado junto com o espetáculo Manga Mangueira para potencializar o aproveitamento do espectador. “A formação era toda voltada para a ida ao teatro. A gente falava muito sobre o espetáculo, sobre os projetos que poderiam ser desenvolvidos para levar as crianças ao teatro. E ele foi ganhando independência ao longo dos anos”, afirma o coordenador.

Segundo ele, professores da rede básica de educação foram aparecendo, fazendo o programa e pedindo para fazer de novo. Reginaldo então direcionou seus estudos para a formação em teatro, cursando primeiro mestrado e doutorado na área. “O PAFT acabou se tornando uma proposta de arte integrada, que leva em conta a música, o teatro e, agora, neste ambiente virtual, as artes visuais também”, afirma ele.

O ator argumenta que procura desenvolver habilidades com os professores para que eles possam provocar os alunos, deixando os conteúdos em arte mais interessantes, explorando também a ideia do jogo e da representação, a partir deste ambiente virtual, ainda novo no ambiente da escola. “O foco é no professor, na sua experiência individual, mas com vistas também ao aluno”, acrescenta Reginaldo.

Para saber mais sobre a oficina e se inscrever gratuitamente,  acesse este link.

 

Serviço:

Programa de Ações Formativas em Teatro – PAFT Virtual, com Reginaldo Santos

Quando: Dias 21, 22, 28 e 29 de janeiro, das 15h às 17h

Onde: Plataforma Zoom

Fonte: Cultura e Cidadania Circula/fotos: Danilo Alvarez e Fabiano Lana.

Leia também:

UNIMED BARBACENA ABRE VAGA PARA GERENTE DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO