Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Banner grande BQHost 2

Sala de Situação Emergencial de Barbacena – Comunicado #04

O Secretário Municipal de Saúde e Programas Sociais (Sesaps) e presidente da Sala de Situação Emergencial de Barbacena, José Orleans da Costa, conforme Decreto Municipal 8.257/18, de 24 de janeiro de 2018, comunica:

O paciente C.M.A.F., 41 anos, sexo masculino, residente no município Ouro Branco, internado em estado grave no Hospital Regional de Barbacena no dia 27 de janeiro com suspeita de febre amarela, faleceu na tarde deste domingo (28), às 14h23, por falência múltipla dos órgãos e febre hemorrágica.

Material colhido será devidamente enviado para a FUNED, conforme normas técnicas estabelecidas pelo Ministério da Saúde e Secretaria de Estado da Saúde.

O diagnóstico definitivo será feito após os exames laboratoriais na FUNED.

A Prefeitura Municipal de Barbacena lamenta o ocorrido e se solidariza com os familiares.

 José Orleans da Costa
Secretário Municipal de Saúde e Programas Sociais
Barbacena, 28 de janeiro de 2018

Outras Mortes:

Na noite de ontem (27) um homem, natural da cidade de Piranga, também veio a óbito no Hospital Regional de Barbacena, com suspeita de ter contraído a Febre Amarela. Agora são quatro o número de pacientes internados em hospitais de Barbacena  que morreram com suspeita de ter contraído a doença. Sendo que o primeiro caso de morte registrado pela Secretaria Municipal de Saúde e Programas Sociais de Barbacena, ocorreu na manhã da última quinta-feira (25),  quando veio a óbito o paciente, A.G.S, 42 anos, sexo masculino, residente no bairro de Fátima e trabalhador na Colônia Rodrigo Silva, em Barbacena, internado no Hospital Regional de Barbacena no dia 20/01, com suspeita de Febre Amarela e transferido para o CTI da Santa Casa de Barbacena, no dia 22/01. Já o segundo registro de morte, aconteceu na noite de quinta feira (25), onde o paciente L.V., 42 anos,  residente no município de Senhora de Oliveira, internado no Hospital Regional de Barbacena no dia 22/01, com suspeita de Febre Amarela, teve a situação agravada e falecendo posteriormente por falência múltipla dos órgãos e febre hemorrágica.