Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Banner grande BQHost 2

Projeto Leitura Crítica estimula leitura e discussão sobre a sistemática social brasileira 

O Projeto de Extensão Leitura Crítica, da UEMG-Barbacena, será lançado no sábado, dia 26 de setembro, às 15h, através do Youtube . O primeiro debate será sobre o livro “O Genocídio do Negro Brasileiro”, de Abdias Nascimento.

Esse primeiro debate contará com a participação de pesquisadores, estudiosos e representantes de instituições de pesquisa e movimentos sociais envolvidos com a questão racial no Brasil e no exterior. São eles: Elisa Larkin Nascimento, Luiz Eduardo Negrogum, Lorraine Pinheiro Mendes e Roberto Carlos Belfort.

De acordo com Robson Rocha de Souza Júnior, coordenador do projeto, a proposta é contribuir com o debate público no Brasil, muitas vezes dominado por pautas superficiais. Para tanto, espera-se explorar a riqueza do pensamento social brasileiro, composto por uma multiplicidade de autoras e autores que abordaram de forma crítica e sistemática uma série de problemas cruciais para a formação da sociedade brasileira. “Acreditamos que a contribuição desse projeto é fundamental para refletirmos de maneira crítica sobre os principais problemas estruturais e históricos de nossa sociedade. Sendo também um espaço permanente de diálogo sistemático e franco entre as forças democráticas e progressistas do Brasil. E isso sem forçar sua homogeneização, já que temos claro que sua diversidade constitui um de seus maiores trunfos”, afirma o professor.

A fim de estimular a leitura da obra debatida por parte de quem está assistindo, também para provocar riqueza nas discussões, as edições do Leitura Crítica acontecerão em intervalos de um mês. “Divulgaremos a data e a obra com antecedência, pois assim há tempo para a leitura”, destaca Robson. Os debates serão sempre no último sábado de cada mês, no período da tarde, 15h. “Escolhemos esse dia porque queremos também que essa experiência tenha caráter lúdico, ou seja, que as pessoas não só aprofundem sua compreensão das peculiaridades de nosso país, como também desenvolvam um verdadeiro prazer de fazer essas leituras e participar do debate sobre elas” destaca o professor coordenador do projeto.

O Leitura Crítica conta com representantes de diversas instituições e regiões do país, que em diálogo definirão as obras a serem discutidas, contando ainda com as possíveis contribuições a partir do desenrolar do projeto.

Fonte: Divulgação/ UEMG Barbacena.

Leia também:

DOM AIRTON PRESIDE ORDENAÇÃO SACERDOTAL NO SANTUÁRIO DA PIEDADE EM BARBACENA