A Exibe, Mostra Internacional Audiovisual de Barbacena, apresenta em sua segunda edição uma mostra de curtas-metragens premiados em grandes festivais de cinema, como o Festival Internacional de Gramado, Anima Mundi e o Festival de Cannes, e tem como objetivo principal fomentar Barbacena como ponto de circulação de produções audiovisuais.

“O cinema abriga esse lugar de nos colocar em confronto com questões importantes, de despertar emoções e reflexões sobre os mais variados temas, questões, etc. Eu acho que é essencial que nós tenhamos essa oportunidade de assistir aos filmes juntos, compartilhando sensações e visões de mundo, isso enriquece nossa formação e repertório cultural” afirma Hilreli Alves um dos responsáveis pela realização da Mostra.

Uma realização da Rede Trilho, produtora cultural, a Exibe surgiu há um ano como alternativa no calendário cultural da cidade e região e chega à sua segunda edição com trabalhos de diversas lugares do país como Rio de Janeiro, São Paulo, Distrito Federal e Minas Gerais, além de trabalhos do exterior também. Com o tema Cinema: o olho que tudo pensa, a segunda edição da Exibe tem o propósito de destacar a importância do cinema como meio de levantar debates relevantes na sociedade, dando luz a temas importantes, muitas vezes esquecidos. Apresentando curtas de ficção, documentários  e animação com diversas temáticas, como violência, depressão, loucura, relacionamentos, pessoas com deficiência, assédio, cultura afro, dentre outras.

“Poder estar envolvida na curadoria e organização do Exibe, nos dá a possibilidade de enxergar o avesso dos curtas, de vê-los com olhos técnicos e específicos, mas nada se compara ao olhar do público, que os verá com ineditismo e emoção. Os curtas que serão apresentados prometem surpreender e emocionar o telespectador pela diversidade de narrativas. Possibilitando mais leituras do mundo do cinema” conta Bianca Candia Mayrink, uma das curadoras da Mostra.

A Exibe possibilita, além do debate crítico e artístico, o contato com diretores, produtores roteiristas e atores, em uma oportunidade única de conversar com os agentes envolvidos nas produções dos filmes. Apoio: Trem Gourmet, Folha de Barbacena e CinePlaza. Patrocínio Master: Samara Autopeças, City10 Telecom e Glória Eventos. Parceria: Ateliê Cineclube, Oficina Textual e Ponto de Partida. Realização: Rede Trilho.

Programação:

Além de Mim – Gabriela Billwiller, Laís Lorenço      / RJ

Azul – Mia Mozart / MG

Capitão Brasil – Felipe Arrojo Porojer / SP

Casa de máquinas – Daniel Hertel, Maria Leite / MG

Conatus  – Gustavo McNair / RS

Conversa de Salão – Bárbara Cabral / DF

Corpos de Barro – Marcus Bonato Filho / MG

Dá licença de contar – Pedro Serrano / SP

Eye Candy – Ligia Arruda / USA

Fragmentos de uma Metrópole – Guilherme Andrade / SP

Guida – Rosana Urbes / SP

La Voisine – Lucas Vasconcelos / RS

Manomen – Simon Cartwright / UK

Memória e Esquecimento: o Alto das Mercês – Danilo Henrique, Lucas Bertolino / MG

Móbile Haikai – Lilian Werneck / MG

Movimento circular uniforme – Marcos Van Basten / MG

O Prazo – Robert Bruce Carter / RS

Ouroboros – Beatriz Pessoa, Guilherme Andrade / SP

Presente de vô: Imagina – Ponto de Partida / MG

Quando Parei De Me Preocupar Com Canalhas – Tiago Vieira / SP

Rosalita – Luciano de Azevedo / MG

Som guia – Felipe Rocha / SP

Vinis & Peixes – Rafael Ski / MG

 

  NOME DUR.   DIRETOR
16:00h SÁBADO | BLOCO 1     01:03
  Presente de vô: Imagina 00:20   Ponto de Partida
  Casa de Máquinas 0:04:59   Daniel Hertel, Maria Leite
  Conatus 0:07:23   Gustavo Macnair
  Azul 0:09:48   Mia Mozart
  Fragmentos de uma metrópole 00:10:00   Guilherme Andrade
  Guida 0:11:20   Rosana Urbes
         
17:00h PAUSA | 20 min      
17:20h BLOCO 2     00:58:44
  Movimento Circular uniforme 00:04:58   Marcos Van Basten
  La voisine 00:12:06   Lucas Vasconcelos
  Rosalita 00:18:11   Luciano de Azevedo
  Eye candy 0:06:28   Ligia Arruda
  Ouroboros 0:17:01   Beatriz Pessoa, Guilherme Andrade
         
   
18:30h DEBATE: Ponto de Partida, Guilherme Andrade, Daniel Hertel, Cleo Magalhães
   
         
16:00h DOMINGO | BLOCO 3     01:02:04
  Manomen 00:10:41   Simon Cartwright
  Capitão Brasil 00:16:14   Felipe Arrojo Porojer
  Móbile Haikai 00:20:06   Liliam Werneck
  Quando parei de me preocupar com canalhas 00:15:03   Tiago Vieira
         
17:00h PAUSA | 24 min      
17:20h BLOCO 4     1:14:33
  Corpos de barro 00:14:42   Marcus Bonato Filho
  Som guia 00:15:22   Felipe Rocha
  Vinis e peixes 00:13:45   Rafael Ski
  O prazo 00:13:27   Robert Bruce Carter
  Dá licença de contar 00:17:17   Pedro Serrano
         
   
18:30h DEBATE: Felipe Saleme, Rafael Ski, Marcus Bonato, Delton Mendes, Najla Passos
   

 

 

Serviço:
Quando: 25 e 26 de novembro

Horário: 16:00h

Onde: Estação Ponto de Partida – Sala Bituca (Antiga Sericícola)

Ingresso(sessão): R$ 5,00

Informações: 3331 0348

redetrilho.com/exibe

Trailer da Mostra:

ENTRADA PARA MENORES DE 18 ANOS SOMENTE ACOMPANHADOS DOS PAIS.

Fonte: Rede Trilho.