Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Banner grande BQHost 2

Três pessoas são encontradas mortas dentro de apartamento em Lafaiete

Nesta quinta-feira (25), um crime abalou a população de Conselheiro Lafaiete, na Região Central de Minas, onde três pessoas foram encontradas mortas, apresentando ferimentos causados por disparos de arma de fogo, dentro de um apartamento  situado à rua Duque de Caxias, no bairro Chapada.

No início da tarde de hoje (25) a Polícia Militar foi acionada a comparecer ao local por uma funcionária da empresa onde uma das vítimas trabalhava, alegando que a mesma não teria comparecido ao local de trabalho. Ainda de acordo com relatos da solicitante, que por várias vezes ligou para o celular da vítimas, sem obter êxito.

A Polícia Militar entrou em contato com a síndica do condomínio, tendo ela relatado que, por volta de 08h30 desta manhã, moradores do apartamento vizinho aos das vítimas teriam escutados barulhos semelhantes ao de disparos de arma de fogo vindo do apartamento ao lado, porém devido o prédio está em reforma  acreditou que poderia ter  se confundido com o barulho de maquinários no local.

Os policiais obtiveram informações de que possivelmente o ex-marido de uma das vítimas poderia ter acessado o apartamento e efetuado disparos de arma de fogo, uma vez que seu veículo encontrava-se estacionado na via pública, próximo ao condomínio. Além disso, foram realizadas várias tentativas de contatos telefônicos com uma das vítimas, porém o celular recebia as ligações e não era atendido. Na sequência, os militares subiram até o apartamento onde chamaram insistentemente pelo nome de uma das vítimas, não sendo correspondidos.

Para acessar o interior do apartamento foi necessário os policiais arrombar uma das portas. Quando a equipe adentrou na sala do imóvel foram localizadas várias capsuladas  de munições deflagradas no chão e no sofá em frente a porta de um dos quartos. No quarto, os policiais depararam com o corpo de um homem de 49 anos debruçado sobre a cama, e próximo a ele havia um revólver caído ao chão. Na sequência, foram localizados, dentro do banheiro do imóvel, o corpo de um mulher, 47 anos, e de seus filho, 19 anos, ambos apresentando perfurações causadas por disparos de arma de fogo.

A perícia técnica da Polícia Civil compareceu ao local e realizou os trabalhos de praxe, sendo as  corpos identificados como sendo: Valdivino do Carmo Santos, de 49 anos, suspeito de cometer os homicídios seguido de suicídio; Gleide Dias Oliveira, 47 anos, e  seu filho Arthur César de Oliveira Santos, de 19 anos. No apartamento foi localizado um revólver marca Taurus, calibre.38, além de munições.

Após concluído os trabalhos periciais, o corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal de Conselheiro Lafaiete pela  empresa funerária LafPax.

Uma testemunha confidencial à PM, que o ex-marido de Gleide, suposto autor dos homicídios, não aceitava a separação do casal, e constantemente  a ameaçava,  tendo a vítima realizado vários registros policiais em decorrência dos fatos narrados.

Leia também:

MORADORA É AGREDIDA E AMARRADA DURANTE ROUBO NO BAIRRO SÃO CRISTÓVÃO