Net Rosas Banner Grande
Unimed Banner Grande
BQHost Banner Grande
Aprendiz

Aeronáutica confirma 90 casos de Covid-19 em integrantes da Epcar em Barbacena

Ministério Público Federal investiga conduta da Epcar após denúncias de pais de alunos. Aeronáutica informou que implementou procedimentos de prevenção.

Chegou a 90 o número de integrantes da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (Epcar) em Barbacena que testaram positivo para a Covid-19. A informação foi confirmada neste sábado (23) pelo Centro de Comunicação Social da Aeronáutica.

Na sexta-feira (22), a reportagem mostrou que 23 alunos já haviam contraído a doença.

O Ministério Público Federal (MPF) informou que investiga a conduta da instituição após pais de alunos denunciarem que o local estaria submetendo os estudante a risco de contágio pelo novo coronavírus. A denúncia foi feita pelo Conselho Tutelar de Barbacena, em abril, e encaminhada ao MPF em São João del Rei.

O último boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), divulgado na sexta-feira, registrava 37 casos confirmados em Barbacena. Em Minas Gerais são 5.995 casos da doença e 201 óbitos por Covid-19. Confira quantidade de casos em todo o país.

A SES-MG que informou que a Escola Preparatória não está sob gestão do Estado. Em nota, a pasta reforçou a importância das medidas de distanciamento social aplicadas em Minas Gerais para evitar a propagação do novo coronavírus.

A reportagem também procurou a Força Aérea Brasileira para saber informações sobre a situação.

 

Noventa infectados

De acordo com os registros da Diretoria de Saúde da Aeronáutica, 83 integrantes da Escola Preparatória de Barbacena tiveram a confirmação laboratorial para Covid-19 nesta sexta-feira (23), totalizando 90 o número de infectados pelo novo coronavírus no local.

Conforme a nota enviada pelo Centro de Comunicação Social da Aeronáutica, dos integrantes com a doença, seis apresentam sintomas leves e o restante quadro assintomático.

Ainda segundo a assessoria, “todos os militares com suspeita de exposição ao novo coronavírus ou com quaisquer sinais da doença, por mais leves que sejam, estão sendo direcionados ao isolamento e recebem o tratamento preconizado pelo Ministério da Saúde”.

Também foi informado que todos os alunos foram testados e a expectativa é que a liberação deles seja concluída até neste domingo (24) para férias escolares de três semanas.

“A Epcar tem realizado esforços no combate ao coronavírus desde que o Ministério da Saúde reportou os primeiros casos no Brasil. Dessa forma, a escola readequou as atividades escolares  implementou procedimentos de prevenção alinhados aos protocolos do Ministério da Saúde”, finalizou a nota.

 

Aulas em Barbacena

Na última semana, um professor que teve a identidade preservada, disse à TV Integração que “tem mais de 60 dias que os quase 500 alunos da Epcar estão na escola sem serem liberados em momento algum para casa”.

Ele contou que, em 19 de março as aulas foram suspensas, mas uma parte foi retomada no dia 6 de abril e o restante foi retomado depois da Páscoa. “Essas aulas foram retomadas em grande parte de forma presencial, através de aulas lecionadas por professores militares”.

Diante da denúncia, a reportagem procurou o Executivo e a assessoria da Aeronáutica para saber se as aulas presenciais na Epcar poderiam ser realizadas. Até a última atualização desta matéria não obteve retorno.

 

Epcar

A Epcar é uma escola de ensino militar, que admite alunos de idade entre 14 e 18 anos por meio de concurso público. No local, estudantes de várias cidades de todo o Brasil vivem em regime de internato e, por isso, dormem em alojamentos e têm aulas em horário integral.

Segundo o Conselho Tutelar, até a última semana, os adolescentes realizavam atividades esportivas e de estudo em grupo, orientado por professores militares.

Fonte: G1 Zona da Mata/TV Integração/Foto: Januário Basílio.

Leia também:

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO APONTA AUMENTO DE 42 CASOS DE COVID-19 EM BARBACENA

BQHost Banner Grande 2