Net Rosas Banner Grande
Collegiati – Construtora
BQHost Banner Grande
Banner grande BQHost 2

Irmandade de Nossa Senhora da Boa Morte completa 266 anos de existência

A Irmandade de Nossa Senhora da Boa Morte completa 266 de existência no próximo dia 28 de setembro. São quase três séculos de devoção à Nossa Senhora com o título de “Boa Morte”. Acredita-se que esse seja o culto à Maria, mãe de Jesus, mais antigo de que se tem conhecimento no Cristianismo.

A venerável Irmandade foi fundada por 12 irmãos, na antiga Igreja Nova da Borda do Campo (Santuário da Piedade). Duzentos e sessenta e seis anos depois, continua sua caminhada, fiel à sua devoção e à sua história, honrando e respeitando a herança de fé que lhes foi transmitida pelos milhares de irmãos, irmãs e benfeitores que deixaram seu nome gravado nos anais da Igreja de Nossa Senhora da Boa Morte, sede da Paróquia de Nossa Senhora da Assunção.

Tal o valor dessa Irmandade que, em reconhecimento ao seu trabalho na sociedade barbacenense e ao seu valor histórico e cultural, foi tombada por decreto municipal como bem imaterial.

Além da construção do majestoso templo ao longo de séculos, respondendo ao anseio dos paroquianos e de todo povo de Barbacena, foi a responsável pela construção das capelas mortuárias, inauguradas em 23 de julho de 2017 e em pleno funcionamento desde então. E, até o final deste ano, espera entregar também o Espaço Comunitário que abrigará obras sociais, reuniões, treinamentos e festividades.

O Revmo. Padre Enzo dos Santos, à época, Pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Assunção, tão logo o projeto foi aprovado pelo Patrimônio Histórico teve a coragem de dar início às obras em 2003.

A casa paroquial de Nossa Senhora da Assunção, localizada no bairro da Boa Morte, também, é obra da Irmandade, que trabalha para o bom funcionamento das estruturas físicas e materiais, procurando dar um mínimo de conforto aos religiosos que aqui aportam.

Como aconteceu no passado, se não fosse a inestimável ajuda dos membros da Irmandade, dos paroquianos e barbacenenses em geral, e, sobretudo, da Comissão de Obras que administrou todo o serviço com seriedade, competência e responsabilidade, nada disso teria sido possível.

E Dom Geraldo Lyrio Rocha, enquanto Bispo de Mariana, em visita à nossa Paróquia e reconhecendo o valor da Venerável Irmandade exortou os fiéis a continuarem venerando os santos de sua devoção, em especial Maria, Mãe de Jesus, preservando sua história, cultura e tradição.

Fonte: Divulgação/ foto (arquivo): Januário Basílio.

Leia também:

DOM AIRTON PRESIDE ORDENAÇÃO SACERDOTAL NO SANTUÁRIO DA PIEDADE EM BARBACENA