COSTUREIRA ADOTA FILHOTES DE GAMBÁ QUE PERDERAM A MÃE DURANTE INCÊNDIO EM MG

Após o registro de um incêndio que destruiu parte da vegetação na Serra do Caracol em Andradas no Sul de Minas no final do mês de setembro, seis filhotes de gambá ficaram órfãos depois que a mãe morreu ao tentar escapar de do incêndio.

Sensibiliza com a situação dos bichinhos, a costureira, Andreia da Silva, levou os filhotes para cuidar em casa. Ainda muito pequenos, a costureira teve que pegar uma mamadeira emprestada com o vizinho para poder dar leite para os filhotes.  Ela contou,  que por quase duas semanas teve de levantar ás 5 da manhã pra poder alimentar com leite os seis filhotinhos. Após duas semanas, os filhotes cresceram, chegando a medir aproximadamente, 15 cm, e já se alimentam sozinhos, comendo frutas partidas em pequenos pedaços. Andreia contou que já pegou amor pelos bichinhos e que vai ficar triste quando eles tiverem que partir.

O IBAMA explicou que o gambá é um animal silvestre que não pode ser mantido em cativeiro, sobre cuidados doméstico. No caso em específico destes filhotes, a situação da forma com que eles foram encontrados, de vulnerabilidade na Serra, justificou a necessidade deles receberem um tratamento mais  diferenciado até que eles estejam  mais independente e melhor de saúde para possam ser soltos em seu habitat natural.

“Ao contrário do que se pensa, os gambazinhos não soltam odores  e são muito quetinhos e não faz mal para nós. Eles somente soltam aquele odor quando estão na fazem adulto e quando se sentem ameaçados por alguém,” explicou Andreia.

 

Assistam o vídeo: https://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/noticia/costureira-adota-filhotes-de-gamba-que-perderam-mae-em-incendio-em-mg.ghtml

Fonte: EPTV Sul de Minas.